G1 Mundo

O uniforme da seleção alemã de futebol proibido por semelhança com simbologia nazista

today2 de abril de 2024 11

Fundo
share close

“Bloquearemos a personalização das camisas”, afirmou um porta-voz da Adidas.

As unidades SS foram as maiores responsáveis pelos crimes contra a humanidade cometidos pelos nazistas.

O kit de jogo recém-lançado também causou polêmica com a escolha do rosa como cor do segundo uniforme da seleção.



A questão do simbolismo nazista foi levantada pela primeira vez pelo historiador Michael König, que disse que o design dos uniformes era “muito questionável”.

A runa utilizada para simbolizar a SS foi projetada em 1929 para uso pelas unidades nazistas.

Os membros da SS cumpriam funções como as de agentes da Gestapo, a polícia secreta alemã, e de guardas de campos de concentração.

Os deveres da SS incluíam administrar os campos onde milhões de pessoas foram condenadas à morte.

A SS foi uma das grandes responsáveis pelos crimes contra a humanidade perpetrados pelos nazistas — Foto: Getty Images

O porta-voz da Adidas, Oliver Brüggen, negou que a semelhança do uniforme com os símbolos nazistas fosse intencional.

“Nós, como empresa, estamos comprometidos em nos opor à xenofobia, ao antissemitismo, à violência e ao ódio em todas as formas”, reforçou ele.

A Adidas disse à BBC que a Federação Alemã de Futebol (DFB) e seus parceiros desenharam os números nas camisas.

Numa publicação no X, o antigo Twitter, a DFB disse que os designs das camisas foram submetidos à UEFA (União das Associações Europeias de Futebol) para revisão durante o processo de design e que “nenhuma das partes envolvidas viu qualquer proximidade com o simbolismo nazista”.

Eles acrescentaram que seria desenvolvido um design alternativo para o número 4.

O mesmo uniforme de jogo se envolveu em uma outra polêmica pela escolha do rosa brilhante como cor para o segundo kit.

Os defensores dizem que a cor representa a diversidade do país. Mas os críticos afirmam que não essa não é a cor tradicional da Alemanha e foi introduzida apenas para arrecadar dinheiro para a DFB.

A Adidas fabrica as camisas alemãs desde 1950.

A DFB anunciou recentemente que a parceria com a empresa alemã Adidas está chegando ao fim. A partir de 2027, a Alemanha vai ter a americana Nike como fornecedora de materiais esportivos.

A decisão foi criticada e classificada como “falta de patriotismo” pelo ministro da Economia do país, Robert Habeck.

A Alemanha será a anfitriã da Eurocopa marcada para este ano, que será realizada em 10 cidades diferentes.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

segunda-guerra:-ultimo-sobrevivente-de-navio-afundado-pelo-japao-em-ataque-contra-pearl-harbor-morre-aos-102-anos-nos-eua

G1 Mundo

Segunda Guerra: último sobrevivente de navio afundado pelo Japão em ataque contra Pearl Harbor morre aos 102 anos nos EUA

Lou Conter, o último sobrevivente do USS Arizona, barco que afundou depois do ataque japonês à base de Pearl Harbor, dos Estados Unidos, faleceu aos 102 anos nesta segunda-feira (1º), segundo a instituição de caridade que homenageia as vítimas do bombardeio. Conter era um oficial de 20 anos quando ajudou a resgatar seus colegas da Marinha em 7 de dezembro de 1941, depois que a frota dos EUA no Pacífico […]

today2 de abril de 2024 4

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%