G1 Santos

OAB de Santos oficia TJ-SP por contratações para as Varas de Família e Sucessões para regularizar atendimento

today9 de março de 2023 21

Fundo
share close

Segundo a entidade, há alguns anos cada repartição trabalhava com 30 servidores, enquanto hoje são 14 por unidade. “Se essa situação já é delicada hoje, ela tende a ficar catastrófica logo mais”.

As varas de Família e Sucessões são responsáveis por processar e julgar ações como inventários, testamentos, separação judicial, divórcio, anulação de casamento, investigação de paternidade, pedidos de pensão alimentícia, entre outros. Além de também poder recorrer à conciliação e mediação para solução dos conflitos familiares.

A presidente da comissão de prerrogativas cíveis da OAB de Santos, Luciana Pacheco de Castro, disse ao g1 que desde que tomou posse, no começo de 2022, recebe reclamações de advogados sobre a demora dos processos da área da Família. De acordo com ela, um relatório feito pela entidade aponta que um dos principais problemas identificados foi a falta de funcionários.



“O juiz precisa de uma equipe. Se não tem, ele não consegue trabalhar. Cada caso é muito particular, tem muita análise de provas e isso demanda mais tempo do juízo”, explica.

O relatório foi feito junto ao presidente da OAB-Santos, Raphael Meirelles, que constatou o desequilíbrio do número de funcionários nos cartórios. De acordo com a Ordem, ao longo dos anos o número de escreventes foi reduzido de forma drástica, sem reposição. Por conta disso, e do crescente volume de trabalho exigido nessas varas, ele decidiu buscar uma alternativa para resolver o problema.

Na segunda-feira (27), um ofício foi enviado ao TJ, solicitando mais funcionários e juízes auxiliares especificamente para as Varas de Família da comarca de Santos. Como não obtiveram respostas, de acordo com Luciana, na quarta-feira (8) foi solicitada uma reunião presencial com o presidente do órgão, o desembargador Ricardo Mair Anafe, para tratar dos problemas.

“O tribunal acabou de homologar [decretar] um concurso para escrevente. Foram aprovados 400 novos funcionários. Solicitamos que seja encaminhado um número maior para as Varas de Família de Santos para que assim possamos regularizar o atendimento”.

Conforme a presidente da comissão de prerrogativas cíveis, a OAB aguarda uma posição do TJ-SP. Enquanto isso, situações sensíveis vividas pela sociedade demoram para serem resolvidas, como por exemplo, pedidos de alimentos ou solicitações de guarda para crianças e adolescentes. “O menor fica sem comer enquanto o juiz não tem funcionário para trabalhar?”, questiona.

A advogada ainda ressalta que a partir deste ano muitos funcionários das Varas irão se aposentar, ou seja, as repartições trabalharão com um número ainda menor de servidores. “

“Justiça tardia não é justiça”, afirma Luciana.

O g1 solicitou por e-mail um posicionamento do TJ-SP, porém, até a publicação desta reportagem, não obteve retorno.

VÍDEOS: Mais assistidos do g1 nos últimos 7 dias




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

ministerio-publico-do-trabalho-em-santos,-sp,-processa-poupafarma-em-r$-1-milhao

G1 Santos

Ministério Público do Trabalho em Santos, SP, processa Poupafarma em R$ 1 milhão

O Ministério Público do Trabalho (MPT) de Santos, no litoral de São Paulo, processou a Poupafarma em R$ 1 milhão pela falta de pagamento dos salários de ex-funcionários e cancelamento de planos de saúde. O valor da causa já foi calculado prevendo a indenização dos trabalhadores. O órgão também pediu o bloqueio de bens da empresa. A ação civil coletiva foi ajuizada na quarta-feira (8) com pedido de urgência. Segundo […]

today9 de março de 2023 8

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%