G1 Santos

Pai de homem baleado por PM reconhece erro do filho e diz que implorou para não atirarem nele; VÍDEO

today10 de fevereiro de 2024 9

Fundo
share close

Imagens obtidas pelo g1 mostram um grupo de homens envolvidos na discussão e o agente de segurança pública. O PM atirou duas vezes contra o homem, que foi socorrido e levado ao Hospital do VIcentino, onde permanece internado (assista o vídeo acima). O caso ocorreu na última sexta-feira (9).

Em entrevista à TV Tribuna, afiliada da Globo, Araújo afirmou que a equipe estava prestes a terminar o trabalho quando a viatura passou no local. “Desceu, pediu para que ele [meu filho] colocasse a mão na cabeça. Ele falou que não ia colocar, que estava trabalhando”.

Em seguida, Araújo disse que apresentou-se como responsável pela equipe de trabalhadores, mas percebeu que o policial estava irredutível e queria ver o filho dele com a mão na cabeça.



“Como meu filho não colocou, ele agrediu meu filho. Essa agressão foi com soco. Meu filho tentou revidar, aí ele sacou a arma, deu um tiro na perna do meu filho e depois deu um tiro embaixo do braço”, contou.

Pai explicou que filho foi baleado por policial militar após ter negado colocar as mãos na cabeça, em São Vicente (SP) — Foto: Fabio Pires/g1

Segundo ele, os policiais não pediram documento de ninguém.

“Ele só queria ver a pessoa com a mão na cabeça. Parecia uma questão de ego pessoal. Falei: ‘por favor, não faça isso, não atira, não atira’. Não teve jeito, ele atirou no meu filho para matar“.

O idoso também foi agredido pelo policial, que o empurrou ao chão. O filho dele está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no Hospital Vicentino, e deve passar por procedimento cirúrgico.

Araújo disse, ainda, que a população não pode pagar pelos assassinatos que aconteceram contra policiais na região.Ele diz que está vivendo um clima de terror na região.

“A gente vê polícia na rua constantemente e isso não é ruim. Isso é muito bom à segurança da população, mas quando a gente tem policiais equilibrados, pessoas que não venham com sangue nos olhos matar inocente porque um companheiro de farda foi fuzilado“.

Homem desarmado é baleado por policial militar em São Vicente

Homem desarmado é baleado por policial militar em São Vicente

Nas imagens, é possível ver a discussão entre o homem e o policial militar. De repente, o agente atira na perna do homem, que estava de camiseta branca e ficou mancando após ser baleado. A discussão continuou e o mesmo policial chegou a empurrar um idoso no chão. Ele estava com uma bengala e se levantou logo em seguida.

O mesmo policial militar continuou discutindo com o homem baleado na perna e com outras pessoas da comunidade. Em um determinado momento, o ferido é puxado e fica sem camiseta.

Em seguida, o policial segura o homem pelo braço, mas ele empurra a mão do PM. O agente tenta dar um soco no homem e, logo depois, aponta a arma em direção ao rosto do morador. O homem dá um soco no PM, que revida e atira pela segunda vez.

O homem cai no chão ensanguentado. O PM segue apontando a arma para os outros moradores, que protestam após a situação. Ainda de acordo com as imagens, é possível ouvir as pessoas gritando durante a gravação, pedindo para ligarem para o resgate e chorando.

Policial militar atira duas vezes contra homem durante discussão, no bairro Bitaru, em São Vicente (SP) — Foto: Reprodução

De acordo com a PM, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado para resgatar a vítima, que foi encaminhada ao pronto-socorro e transferida ao Hospital do Vicentino (HDV).

A Prefeitura de São Vicente informou, em nota, que os profissionais de saúde do Samu encontraram uma vítima do sexo masculino, com ferimentos por arma de fogo na região torácica e no membro inferior esquerdo.

A vítima foi encaminhada para o Hospital do Vicentino (HDV), para avaliação médica, onde deu entrada na unidade, estável e consciente. O homem em questão é funcionário do município. Ele ocupa um cargo de coordenador da Prefeitura de São Vicente, na Secretaria de Serviços Públicos.

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

falso-massagista-preso-apos-passar-as-maos-nas-partes-intimas-de-mulheres-no-litoral-de-sp-ja-foi-detido-pelo-mesmo-crime-em-mg

G1 Santos

Falso massagista preso após passar as mãos nas partes íntimas de mulheres no litoral de SP já foi detido pelo mesmo crime em MG

Ao g1, o delegado titular de Peruíbe, Marcos Roberto da Silva, afirmou que o homem preso por se passar por massagista tem antecedentes criminais relacionados à ordem sexual no estado de Minas Gerais, onde morava antes de ser preso no litoral paulista. Ele teria vindo visitar os pais e cometeu, ao menos, quatro crimes de importunação sexual. O delegado disse, ainda, que a reincidência e o tipo penal, que no […]

today10 de fevereiro de 2024

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%