Gospel Prime

Pais fazem manifestação contra ideologia LGBT: “Deixem nossas crianças em paz”

today28 de agosto de 2023 3

Fundo
share close

Cerca de 150 manifestantes com camisetas estampadas com a frase “Deixem nossos filhos em paz” foram às ruas do centro de Los Angeles para se opor à imposição da ideologia LGBTQ+ na educação pública como parte do currículo escolar.

Durante a manifestação na segunda-feira, dois contra-manifestantes foram presos por confrontar os pais manifestantes enquanto marchavam da Prefeitura até a sede do Distrito Escolar Unificado de Los Angeles.

Segundo CBN News, os manifestantes exigem que a educação relacionada à comunidade LGBTQ+ e à sexualidade seja mantida fora das escolas e querem que os distritos escolares notifiquem os pais caso seus filhos expressem o desejo de se identificar com um gênero diferente do determinado no nascimento.

“Acreditamos que existe um sistema de doutrinação radical que infiltrou as instituições acadêmicas e agora chegou ao ensino fundamental e médio. Estamos tentando tirar livros impróprios das escolas. E não queremos que falem sobre sexualidade com nossos filhos sem nos contar e às escondidas”, disse Ben Richards, um pai de San Diego e fundador do SoCal Parent Advocates.

Essa é a mais recente demonstração de um movimento popular em que pais e avós desafiam autoridades estaduais em relação a políticas que criam divisões entre eles e seus filhos. Defensores dos direitos parentais realizaram uma coletiva de imprensa para destacar a série de projetos de lei que infringem os direitos parentais e o controle local do currículo escolar.



“O objetivo deles era destruir a unidade familiar e tomar controle de nossos filhos. Quando resistimos, eles fazem coisas antiéticas para nos silenciar”, afirmou Sonja Shaw, presidente do Conselho do Distrito Escolar Unificado de Chino Valley (CVUSD).

Nesse sentido, o CVUSD está liderando um plano escolar que notifica os pais caso uma criança esteja pensando em suicídio, seja vítima de bullying, sofra um ferimento grave ou peça aos professores para se referirem a ela por um gênero diferente do listado em seus documentos oficiais.

Até o momento, o Distrito Escolar Unificado de Murrieta aprovou essa política e o Distrito Escolar Unificado de Orange está considerando adotar a medida. No entanto, os legisladores estaduais estão promovendo diversas propostas para retirar o controle local das comunidades e tirar dos pais o direito de cuidar de seus filhos.




Todos os créditos desta notícia pertecem a Gospel Prime.

Por: Redacao

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

igreja-processa-condado-por-espionagem-contra-membros-durante-a-pandemia

Gospel Prime

Igreja processa condado por espionagem contra membros durante a pandemia

Uma igreja no norte da Califórnia está processando autoridades do condado por supostamente espionar seus membros durante o fechamento causado pela pandemia da Covid-19, acusações que as autoridades do condado negam. Nesse sentido, advogados da Advocates for Faith and Freedom entraram com o processo em nome da Calvary Chapel San Jose contra o Condado de Santa Clara, alegando que o condado utilizou o que eles dizem ser uma forma de […]

today28 de agosto de 2023

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%