G1 Mundo

Papa Francisco chega à República Democrática do Congo em meio a conflito no leste do país

today31 de janeiro de 2023 20

Fundo
share close

Cerca da metade dos 90 milhões de habitantes do país africano são católicos romanos.

Francisco chega à República Democrática do Congo em meio a um forte conflito no leste do país, que é rico em minerais mas tem milhões de pessoas deslocadas por combates internos e na pobreza.

O papa revelou planejava visitar a região, mas a agenda teve de ser cancelada por riscos à segurança do pontífice.



“Eu queria ir para Goma (cidade no leste) mas não podemos por causa da guerra”, disse o papa a repórteres durante seu voo.

Após participar de uma cerimônia de boas-vindas e de um encontro com o presidente do país, Felix Tshisekedi, o pontífice de 86 anos também tinha na agenda desta terça um discurso para autoridades, diplomatas e representantes da sociedade civil.

Na quarta-feira, ele celebrará uma missa e se encontrará com vítimas da violência no leste do país, marcado por confrontos recorrentes entre rebeldes do grupo M23 e tropas do governo.

Militar vigia multidão nas proximidades do aeroporto de Kinshasa, na República Democrática do Congo, que foram ver o papa Francisco, em 31 de janeiro de 2023. — Foto: Luc Gnago/ Reuters

“É a primeira vez que o vejo sem ser pela televisão. É um momento de alegria”, disse Alain Difima, um padre católico que passou horas esperando a chegada do papa no aeroporto.

A República Democrática do Congo tem alguns dos depósitos mais ricos do mundo em diamantes, ouro, cobre, cobalto, estanho, tântalo e lítio, mas seus abundantes recursos minerais têm alimentado conflitos entre milícias, tropas do governo e invasores estrangeiros.

A mineração também tem sido associada à exploração desumana dos trabalhadores e à degradação ambiental.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

28-morrem-em-atentados-em-burkina-faso;-um-terco-do-pais-esta-fora-do-controle-do-governo

G1 Mundo

28 morrem em atentados em Burkina Faso; um terço do país está fora do controle do governo

Nesta terça-feira (31), o governo afirmou que 28 pessoas morreram em atentados executados por extremistas. Entre as vítimas estão 15 civis que haviam sido sequestradas durante o fim de semana. O país, um dos mais pobres e violentos do mundo, fica na África Ocidental, onde governos travam uma árdua batalha contra grupos insurgentes ligados à Al Qaeda e ao Estado Islâmico. Em Burkina Faso, mais de 30% das cidades e […]

today31 de janeiro de 2023 14

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%