G1 Mundo

Peixes como ‘papel de parede’, vidro ‘impossível’ de romper: as polêmicas do aquário que estourou em Berlim

today17 de dezembro de 2022 14

Fundo
share close

Entidades protetoras de animais criticavam instalação do tanque, com 1.500 peixes, no meio de saguão de hotel da capital alemã. Arquiteto responsável disse à Reuters em 2003 que rompimento do vidro, que ocorreu na sexta (16), era impossível

Ilustração mostra estrutura do aquário que estourou em Berlim — Foto: arte g1



Um episódio inusitado porém alertado por organizações defensoras de animais chamou a atenção do mundo na sexta-feira (16): um tanque de peixes gigante, que reivindica ser o maior aquário cilíndrico do mundo e estava instalado no meio do saguão de um hotel em Berlim, na Alemanha, estourou.

O resultado: todos os 1.500 peixes do aquário morreram e um milhão de litros de água do tanque se espalharam pelo hotel, por comércios próximos e pela avenida de frente ao local, uma das principais e mais movimentadas da capital alemã.

O episódio revelou uma série de polêmicas do aquário, como a garantia do engenheiro da obra de que um rompimento jamais ocorreria e a denúncia de entidades como o Peta de que os animais serviam de “papel de parede” para os hóspedes (leia mais abaixo).

Veja alguns dados sobre o aquário:

  • O taque estava instalado no saguão de um hotel do grupo Radisson, no centro de Berlim, na Alemnha, havia 20 anos;
  • Media 25 metros no total – o tanque em si, com água, tinha 14 metros, e uma base e um topo, outros nove metros;
  • O tanque abrigava 1.500 peixes no total, de cem espécies diferentes, a maioria tropicais. Todos morreram no incidente;
  • Dentro dele, havia um milhão de litros de água;
  • Seu fim era turístico – além de ser aberto para visitação, podia ser visto do quarto dos hóspedes, que têm janelas viradas para o saguão;
  • A atração tinha ainda um elevador transparente, que subia e descia em um tubo de vidro no centro do tanque, permitindo que visitantes observassem os peixes de dentro;
  • Em 2020, o aquário passou por uma reformulação – todos os peixes foram retirados, a água inteiramente trocada e a estrutura reforçada.

Veja como era o aquário em Berlim antes de ele estourar

Veja como era o aquário em Berlim antes de ele estourar

Até agora, a polícia de Berlim não apontou uma causa para o vidro estourar. Veja o que se sabe:

  • O caso aconteceu por volta das 05h40 de sexta-feira (16) no horário local (01h40 no horário de Brasília);
  • Segundo a polícia, duas pessoas ficaram feridas, sem gravidade. Mas a prefeita de Berlim disse na sexta que, caso o rompimento fosse um pouco mais tarde, teria sido uma tragédia com muitas mortes;
  • Ninguém havia sido preso até a última atualização desta notícia;
  • Em entrevista à agência de notícias Reuters, em 2003, um dos arquitetos responsáveis pela obra, da empresa AquaDom, disse que era “impossível” que toda a estrutura se rompesse;
  • “Poderia haver um pequeno buraco, no máximo, em caso de um ataque com armas, de onde poderia sair um pouco de água, mas não estourar o cilindro inteiro. Tais cenários de Hollywood não poderiam acontecer aqui”, disse o arquiteto Michael Jessing à Reuters à época.

Denúncia de organizações defensoras de animais

Aquário gigante com 1.500 peixes estourou em hotel de Berlim — Foto: Reprodução

Entidades de proteção de animais criticaram na sexta-feira, após o incidente, que os peixes viviam “confinados” a serviço de turistas. ”

Peixes não são um papel de parede. Eles não deveriam estar confinados dessa maneira”, declarou a organização Peta. “Eles deviam estar sob estresse e confusos quando morreram”.

“Este episódio foi um alerta para que todos em Berlim e ao redor do mundo revejam o fato de se exibir animais como se fossem nada mais do que arte de parede de hotel”.

Newsletter G1 Created with Sketch.

O que aconteceu hoje, diretamente no seu e-mail

As notícias que você não pode perder diretamente no seu e-mail.

Para se inscrever, entre ou crie uma Conta Globo gratuita.

Obrigado!

Você acaba de se inscrever na newsletter Resumo do dia.

Deseja receber as notícias mais importantes em tempo real? Ative as notificações do G1!




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

sobe-para-37-o-numero-de-mortos-na-india-intoxicados-por-alcool-adulterado

G1 Mundo

Sobe para 37 o número de mortos na Índia intoxicados por álcool adulterado

De acordo com as famílias das vítimas, vários que morreram ingeriram uma bebida local durante um casamento e outros eventos. Autoridades locais afirmaram que ainda há outros internados. Foto ilustrativa mostra um copo de licor — Foto: Wilson Aiello/EPTV Subiu para 37 o número de pessoas que morreram após consumir álcool adulterado no estado indiano de Bihar (nordeste), onde as bebidas alcoólicas são proibidas, anunciaram as autoridades neste sábado (17). […]

today17 de dezembro de 2022 9

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%