G1 Mundo

Peru diz que vai decretar estado de emergência em saúde por causa da dengue; Brasil e Argentina também têm alta de casos

today26 de fevereiro de 2024 4

Fundo
share close

Mais de 83% do território do país enfrenta problemas com a doença. Vasquez afirmou que o estado de emergência será decretado em 20 das 24 regiões administrativas do país. Isso permitirá um uso mais flexível do orçamento público para combater a dengue.

Até agora, 28 pessoas morreram de dengue no país, segundo os números oficiais. O país passa por uma onda de calor e de chuvas fortes, que são condições favoráveis para a reprodução do mosquito que transmite a dengue.

Vasquez, o ministro da Saúde, disse que há um risco iminente de um surto de dengue. O número de novos casos nas sete primeiras semanas de 2024 (quase 25 mil) é 95% maior do que o número no mesmo periodo de 2023.



No ano passado, mais de 400 pessoas morreram de dengue.

Dengue: veja o que é a doença e quais são os seus sintomas — Foto: Arte g1/Dhara Assis

A Argentina também está enfrentando uma alta do número de casos de dengue nos últimos meses. Segundo boletim epidemiológico do Ministério da Saúde argentino liberado no dia 18 de fevereiro, foram diagnosticados mais de 48 mil casos de dengue no país entre julho de 2023 e o início de fevereiro, incluindo 35 mortes pela doença até o momento.

A Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) emitiu um alerta epidemiológico na sexta-feira (16) por um aumento geral da dengue na região das Américas.

Ministério da Saúde envia segunda remessa de vacinas contra dengue

Ministério da Saúde envia segunda remessa de vacinas contra dengue

Até 22 de fevereiro, o Brasil contava com mais de 740 mil casos prováveis de dengue, um aumento de quase 350% em relação ao mesmo período ano passado.

São 151 mortes confirmadas por dengue e 501 sob investigação. Nos dois últimos anos, além da explosão de casos, o país também registrou recorde de mortes. Foram 1.053 óbitos em 2022 e 1.094 em 2023 – em toda a série histórica (2000-2023), o Brasil nunca tinha ultrapassado a marca de mil óbitos.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

renuncia-de-primeiro-ministro-abre-caminho-para-que-autoridade-palestina-passe-a-ter-presenca-em-gaza,-hoje-do-hamas;-entenda

G1 Mundo

Renúncia de primeiro-ministro abre caminho para que Autoridade Palestina passe a ter presença em Gaza, hoje do Hamas; entenda

O governo dos Estados Unidos tem pressionado o presidente da Autoridade Palestina, Mahmoud Abbas, para que ele reorganize o órgão e comece a criar uma estrutura política para governar a Faixa de Gaza depois do fim da guerra --atualmente, o Hamas governa a Faixa de Gaza e sem a participação da Autoridade Palestina, que é controlada por outro grupo, o Fatah. A Autoridade Palestina é, na teoria, o órgão de […]

today26 de fevereiro de 2024 6

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%