G1 Santos

Polícia Civil aponta pai como responsável por matar e enterrar adolescente no quintal de casa

today18 de novembro de 2022 18

Fundo
share close

Ao g1, o delegado do DP Sede de Ilha Comprida, Carlos Eiras, ressaltou que Gutenberg Peixoto Alves de Souza está foragido, mas, “ele sendo ou não achado, será indiciado por esse homicídio e pela ocultação de cadáver. A Justiça já decretou a prisão temporária do homem.

Em relação às investigações, Eiras contou que várias testemunhas disseram que a jovem deixou de ser vista após três meses morando com o pai. O delegado disse aguardar os resultados do Instituto Médico Legal (IML) para saber se a ossada, de fato, é de Agata.

Além do sumiço da adolescente, o delegado listou como indícios contra Gutenberg a ossada no quintal, as “mentiras” sobre o paradeiro da garota, o medo que ela tinha do pai e o desaparecimento dele ao ser questionado por familiares.



Para o delegado, as provas são suficientes para o indiciamento do homem e para iniciar um processo pela condenação dele.

Polícia acredita que ossada encontrada seja de jovem de 17 anos que está desaparecida. Ela morava na casa com o pai — Foto: Arquivo pessoal e Rinaldo Rori/g1 Santos

O delegado disse à reportagem que a ex-madrasta de Agata relatou tê-la visto ser molestada pelo pai. Testemunhas também informaram que o homem se mostrava muito protetor com a adolescente. “[Esse comportamento] de ficar protegendo até demais é típico de quem está molestando realmente“.

“Todavia não conseguimos achar ninguém a quem ela teria relatado isso, além da ex-madrasta que relatou esses eventuais abusos. Até as amigas íntimas dela falaram que ela nunca falou nada sobre essa questão de abuso”, disse o delegado.

Menina de 17 anos pode ter sido morta pelo pai e enterrada no quintal de casa em Ilha Comprida, no litoral de SP — Foto: Rinaldo Rori/g1

Os restos mortais encontrados, na manhã de sexta-feira (11), estavam envolvidos por uma rede e um lençol. De imediato, o Instituto de Criminalística (IC) foi solicitado para periciar a cena do crime. O Instituto Médico Legal (IML) também foi acionado.

Em 26 de outubro, um tio de Agata esteve na delegacia para informar que a sobrinha estava desaparecida há mais de um ano. O parente relatou que a adolescente morava com Gutenberg, que teria dito aos familiares que a jovem decidiu morar com a mãe em Itanhaém.

A mãe da garota ao ser contatada, no entanto, negou que Agata tivesse a procurado. A situação fez, portanto, que Gutenberg mudasse o discurso e contado que a filha havia fugido para Sorocaba, no interior de São Paulo, com um rapaz. Ele reforçou que, desde a saída de casa, ela não havia dado notícias ou usado as redes sociais.

Ainda de acordo com o parente, a adolescente não tinha contato com a mãe e foi abandonada com três meses. “A avó cuidava dela, sempre cuidou, mas aí esse monstro, depois da menina crescer, veio fazer inferno na vida da gente”.

O caso foi registrado como desaparecimento de pessoa, mas atualizado para homicídio na Delegacia de Ilha Comprida. A Polícia Civil segue com as investigações.

Polícia Civil acredita que pai tenha matado a filha e a enterrado no quintal da casa, no bairro Balneário Britânia, em Ilha Comprida (SP) — Foto: Rinaldo Rori/g1

VÍDEOS: Mais assistidos do g1 nos últimos 7 dias




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

paulista-de-bodyboarding-e-sucesso-no-tombo

Prefeitura de Guarujá

Paulista de Bodyboarding é sucesso no Tombo

Segunda etapa do campeonato foi realizada no último domingo (13); a 3ª e última etapa da competição será dia 11 de dezembro, em Mongaguá A 2ª etapa do Campeonato Paulista de Bodyboarding ocorreu no último domingo (13), diante de muito sol e excelentes ondas. A Praia do Tombo foi o palco da competição organizada pela Federação de Boadyboarding do Estado de São Paulo e contou com os apoios da Associação Guarujaense de Bodyboarding e Prefeitura de Guarujá, por meio da Secretaria […]

today18 de novembro de 2022 12

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%