G1 Mundo

Polícia prende dois suspeitos do assassinato de César Suárez, promotor que investigava ataque a canal de TV no Equador

today18 de janeiro de 2024 1

Fundo
share close

“Prendemos 2 suspeitos envolvidos no assassinato do promotor César Suárez, em #GYE (Guayaquil), após investigações que nos permitiram identificar a suposta participação no ato criminoso”, indicou o delegado na rede social X.

O país vive uma crise de segurança desde o começo do ano.

Os problemas mais graves começaram quando as autoridades do país se deram conta que Fito, um líder da facção Los Choneros, havia fugido de uma prisão.



Em reação a isso, o presidente Daniel Noboa decretou estado de exceção no país no dia 8 de janeiro.

No dia seguinte, as autoridades relataram a fuga de outro criminoso, Fabricio Colón Pico, um dos líderes de Los Lobos. Horas depois, homens armados e com os rostos escondidos invadiram os estúdios do canal de TV estatal TC Televisión, da cidade de Guayaquil. Durante a invasão, eles afirmaram que têm bombas, e sons semelhantes aos de disparos foram ouvidos

Quando os homens invadiram o local, um artefato explosivo foi colocado na recepção do canal.

Durante a transmissão, um homem com máscara no rosto chegou a encostar uma arma no pescoço de um apresentador.

As pessoas que estavam nos estúdios tentaram conversar com os homens armados. Foi possível ouvir uma mulher pedir para que eles não atirassem.

Depois de cerca de duas horas, a Polícia Nacional do Equador controlou a situação e capturou as pessoas que invadiram os estúdios.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

lider-de-seita-no-quenia-que-matou-191-criancas-de-fome-deve-passar-por-avaliacoes-medicas-de-saude-mental

G1 Mundo

Líder de seita no Quênia que matou 191 crianças de fome deve passar por avaliações médicas de saúde mental

As autoridades locais dizem que Mackenzie, o chefe da Igreja Good News International, ordenou aos seus seguidores no sudeste do Quênia que matassem de fome a si próprios e aos seus filhos para que pudessem ir para o céu antes do fim do mundo. O crime ficou conhecido como uma das maiores tragédias da história do país. Isso porque mais de 400 corpos foram encontrados após o início das investigações. […]

today18 de janeiro de 2024 2

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%