G1 Mundo

Portugal enxugará oferta de Airbnb e não dará mais vistos a quem comprar residência; entenda por que

today17 de fevereiro de 2023 12

Fundo
share close

Na quinta-feira (16), o primeiro-ministro português, António Costa, anunciou que seu governo deixará de oferecer o chamado “golden visa” – ou “vistos dourados”, permissões de residência permanentes a qualquer estrangeiro que comprasse um imóvel de no mínimo 350 mil euros (cerca de R$ 1,9 milhão) ou abrisse uma empresa com ao menos dez funcionários locais.

O governo também vai reduzir as ofertas de Airbnb.

Há pouco mais de uma década, os países do sul da Europa viviam uma das piores crises financeiras e econômicas do século na região. O estouro da bolha imobiliária de 2008, que veio a reboque da falência de bancos dos Estados Unidos como o Lehman Brothers, quebrou bolsas de todo o mundo e afetou particularmente países como Portugal, Espanha e Grécia.



Os governos desses países haviam investido pesado no crescimento imobiliário nos anos anteriores, e tiveram de pedir socorro internacional.

Para mitigar os efeitos dessa crise e tentar dar uma utilidade a milhares de imóveis recém-construídos e vazios, o governo português criou “golden visa”. A resposta – em uma época em que o euro estava em baixa em economias latino-americanas e asiáticas – foi quase imediata. Chineses e brasileiros

“só haverá lugar à renovação se forem habitação própria e permanente do proprietário ou descendente, ou se o imóvel for colocado duradouramente no mercado de arrendamento”.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

papiro-de-2-mil-anos-com-contracheque-de-soldado-romano-e-descoberto-em-israel

G1 Mundo

Papiro de 2 mil anos com contracheque de soldado romano é descoberto em Israel

Um papiro latino com o contracheque detalhado de um soldado do Império Romano foi descoberto no leste israelense, perto do Mar Morto, informou a Autoridade de Antiguidades de Israel na quarta-feira (15). O artefato data do ano 72 e foi encontrado em uma antiga fortificação conhecida como Massada. O pergaminho faz parte de uma coleção de pelo menos 14 documentos latinos recuperados em vários estados de preservação na região. Segundo […]

today17 de fevereiro de 2023 35

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%