G1 Santos

Praia Grande decreta situação de emergência em saúde pública contra a dengue

today9 de março de 2024 7

Fundo
share close

O decreto, assinado nesta sexta-feira (8), permite a adoção de medidas administrativas necessárias a fim do enfrentamento das arboviroses urbanas. Além disso, a publicação institui um Centro de Enfrentamento das Arboviroses Urbanas de Praia Grande (CEAU-PG).

Entre as ações, está autorizado o ingresso sem prévia autorização dos proprietários em imóveis públicos ou particulares, em casos de abandono, ausência ou recusa de pessoa que possa permitir o acesso do agente.

Além disso, se necessário, será dispensada a necessidade de licitações para aquisição de bens, profissionais e serviços destinados ao combate da doença. Fora isso, também poderá ocorrer a solicitação de colaboradores e equipamentos de outras secretarias para desenvolver ações em conjunto.



Aedes aegypti é o transmissor da chikungunya, dengue, Zika e febre amarela — Foto: Freepik

A primeira reunião do CEAU-PG, instituído a partir da assinatura do decreto, foi realizada na sexta-feira (8). O grupo reúne diversas secretarias, instituições de saúde e órgãos públicos para a intensificação de atividades educativas junto à população.

No encontro, foi apresentado um panorama do cenário atual da dengue no município e foram debatidas as medidas para ampliar a divulgação e educação em saúde para prevenção à proliferação do mosquito. Segundo a administração, o grupo irá se reunir com frequência para intensificar as ações adotadas no município.

A administração ainda reiterou que, durante todo o ano, os agentes de combate às endemias estão percorrendo os bairros e visitando as residências para a realização do bloqueio de criadouros e orientação à população para evitar o surgimento de locais propícios para a proliferação do mosquito.

Entre os dois primeiros meses deste ano, mais de 18 mil imóveis foram vistoriados e 6,3 mil focos de dengue eliminados. Os locais vistoriados também incluem obras e pontos estratégicos, casos de cemitério, desmanche de veículos, borracharias e locais de reciclagem de materiais.

A administração ainda realiza o trabalho de nebulização em áreas de casos confirmados, além de atividades as campanhas educativas nas unidades de saúde e nas escolas municipais, por meio da Divisão de Saúde Ambiental.

Na última segunda-feira (4), mais de 260 profissionais de saúde da rede pública e privada participaram de uma capacitação sobre o manejo clínico sobre casos suspeitos de dengue, zika e chikungunya. A medida busca aprimorar o atendimento e condução dos profissionais nos casos suspeitos.

VÍDEOS: g1 em 1 minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

pm-aposentado-reage-a-assalto,-mas-erra-tiros-e-ladroes-fogem-com-objetos-dele-no-litoral-de-sp

G1 Santos

PM aposentado reage a assalto, mas erra tiros e ladrões fogem com objetos dele no litoral de SP

Caso aconteceu em São Vicente (SP). Caso é investigado no 2° Distrito Policial de São Vicente — Foto: G1 Um policial militar aposentado atirou contra suspeitos após ser roubado em São Vicente, no litoral de São Paulo. Segundo apurado pelo g1, neste sábado (9), o homem efetuou três disparos, mas nenhum acertou os assaltantes, que fugiram com objetos dele. O caso aconteceu, na quinta-feira (7), na Rua Alves do Bugre, […]

today9 de março de 2024 7

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%