G1 Mundo

Quem é Luis Caputo, futuro ministro da Economia da Argentina escolhido por Javier Milei

today30 de novembro de 2023 16

Fundo
share close

No Jornal da Globo, Ariel Palácios comentou sobre a indicação de Milei: “O nome de Caputo foi necessário para acalmar os mercados, já que ele representa uma barreira aos planos mirabolantes de Milei de acabar com o Banco Central. Caputo tampouco concorda com a ideia de Milei de acabar com o peso e substituí-lo pelo dólar”, analisa.

Caputo é primo-irmão de Nicolás Caputo, um empreiteiro que é um dos melhores amigos do ex-presidente Maurício Macri. Tanto o ex-presidente, como Nicolás e Luis Caputo foram colegas de escola, uma velha guarda do macrismo embora o novo ministro seja de outra geração. Durante o governo de Macri, entre 2015 e 2019, Caputo foi secretário de Finanças com a missão de estancar a forte desvalorização do peso frente ao dólar. Também foi ministro da Economia e depois, por apenas 3 meses, presidente do Banco Central.

Para Ariel, “a falta de base parlamentar” fez com que Milei precisasse negociar com Macri, que o colocou vários integrantes do novo governo, entre eles, Caputo.



“Para o grande público Milei continua dizendo que vai acabar com o Banco Central e dolarizar a economia. Mas na vida real, esses planos ficam no freezer, já que o presidente eleito se deparou com falta de base parlamentar e portanto, precisou negociar com Macri, que lhe colocou vários integrantes do novo governo, entre eles Caputo. Há meia década Milei criticava Caputo, acusando-o de ter “torrado” US$ 15 bilhões durante o breve período no qual comandou o Banco Central, mas agora Milei chama Caputo de “o Messi das finanças””, ressalta Ariel.

Embaixador da Argentina no Brasil continuará no posto

Outro gesto de acomodação de Milei desde a eleição e neste momento de formação do novo governo, é o posto da embaixada da Argentina no Brasil.

Daniel Scioli, ex-vice-presidente peronista no governo de Néstor Kirchner, ex-candidato presidencial do peronismo em 2015, que foi enviado como embaixador ao Brasil pelo também peronista presidente Alberto Fernández, continuará como embaixador com Milei. Scioli tem enorme habilidade, soube negociar com Bolsonaro e com Lula.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

henry-kissinger-foi-personagem-mais-influente-da-politica-externa-americana-na-segunda-metade-do-seculo-20;-veja-trajetoria

G1 Mundo

Henry Kissinger foi personagem mais influente da política externa americana na segunda metade do século 20; veja trajetória

Ele nasceu na Alemanha e, judeu, fugiu para os Estados Unidos com a família em 1938. Estudou na renomada Universidade de Harvard. Kissinger foi secretário de Estado de dois presidentes republicanos - Richard Nixon e Gerald Ford. Também assessorou outros presidentes, incluindo o democrata Bill Clinton, e George W. Bush no pós 11 de setembro. Saiba mais sobre sua trajetória abaixo. Henry Kissinger deixou uma grande marca na política externa […]

today30 de novembro de 2023 11

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%