G1 Mundo

Relatório da ONU aponta risco de crise global por escassez de água

today22 de março de 2023 6

Fundo
share close

A publicação foi feita um dia antes do início da Conferência da Água da ONU. Em entrevista coletiva, o editor-chefe do relatório, Richard Connor, afirmou que há incertezas diante de um cenário que aponta aumento de demanda e redução na disponibilidade de água.

“Se não resolvermos isso, definitivamente haverá uma crise global”, afirmou.

De acordo com o relatório, o uso da água tem aumentado 1% ao ano, nos últimos 40 anos, em âmbito global. A estimativa é que a taxa de crescimento continue neste patamar até 2050.



“A escassez de água está se tornando endêmica, como resultado do impacto local do estresse hídrico físico, juntamente com a aceleração e a disseminação da poluição da água doce”, cita o documento.

Dados do relatório obtidos em 2020 apontam que 2 bilhões de pessoas não possuem acesso a serviços de água potável gerenciados com segurança, o que representa 26% da população mundial. Enquanto isso, 3,6 bilhões de pessoas (46% da população) não têm acesso a saneamento.

Como resultado da poluição e do aumento do consumo, locais onde há abundância de recursos hídricos, como partes da América do Sul, a África Central e a Ásia Oriental, poderão observar temporadas mais longas de escassez de água.

Já em regiões onde a água já é escassa, como no Oriente Médio e na África, a tendência é de um cenário ainda pior nos próximos anos.

O relatório destaca que serão necessárias parcerias e cooperação para a água com o objetivo de evitar uma crise global.

“Há uma necessidade urgente de estabelecer mecanismos internacionais fortes para evitar que a crise global da água saia do controle”, disse Audrey Azoulay, diretora-geral da Unesco.

Segundo o relatório da ONU, o progresso das metas de 2030 para água e saneamento das Nações Unidas está fora de rumo.

VÍDEOS: mais assistidos do g1




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

primeiro-ministro-da-grecia-convoca-eleicoes-para-maio-apos-desastre-ferroviario

G1 Mundo

Primeiro-ministro da Grécia convoca eleições para maio após desastre ferroviário

O primeiro-ministro grego, Kyriakos Mitsotakis, anunciou, nesta terça-feira (21), a convocação de eleições gerais para maio, três semanas após uma catástrofe ferroviária que causou indignação no país. "Posso dizer com certeza que as eleições serão realizadas em maio", afirmou Mitsotakis, líder do partido conservador Nova Democracia, em declarações ao canal Alpha. Em 28 de fevereiro, a colisão entre dois trens deixou 57 mortos e provocou uma onda de protestos na […]

today22 de março de 2023 8

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%