G1 Mundo

Sardinhas, balões e ‘martelos de Chapolin’: saiba como o São João é comemorado em Portugal

today24 de junho de 2023 8

Fundo
share close

Assim como no Brasil, o Dia de São João, em 24 de junho, é muito importante e celebrado pelos portugueses. Mas no Porto, a festa é maior e começa no dia anterior.

Já durante a manhã do dia 23, é possível encontrar diversas churrasqueiras nas calçadas com sardinhas na brasa, trazendo um cheiro diferente para a cidade.

Enquanto isso, as famílias portuguesas começam a preparar os pratos que serão servidos durante a noite nos jantares caseiros.



Sardinhas sendo assadas na Ribeira do Douro, no Porto, na véspera de São João — Foto: Câmara Municipal do Porto

A família da consultora em comunicação Alice Luísa Santos celebra o São João há vários anos, inclusive recebendo brasileiros. A festa é sempre recheada com boa comida.

“Começa sempre com um jantar com iguarias nacionais e da época: sardinha, pimento, salada de tomate e alface, broa de Avintes, vinho e cerveja. O churrasco fica mais completo com chouriço, queijo e carnes”, conta.

Nas ruas, bandeirolas coloridas que passam de edifício em edifício enfeitam as vielas de bairros tradicionais. Algumas regiões da cidade também ganham feirinhas, que lembram as quermesses brasileiras.

Com o entardecer, a festa começa a ficar mais animada. Uma das tradições dos moradores é ir até a região da ribeira do Porto, às margens do Rio Douro, munidos de um martelo parecido com o do “Chapolin Colorado”.

Com os martelinhos coloridos em mãos, crianças e adultos passam pela multidão “martelando” a cabeça de amigos e desconhecidos. Tradição que chamou a atenção da jornalista brasileira Camila Araújo, que morou no Porto durante um intercâmbio universitário.

“Todos dão marteladas nas cabeças uns dos outros, e ninguém acha ruim, porque é tradição. A gente via crianças, adultos, mais velhos, todo mundo se divertindo e conversando”, lembra.

Durante a noite também é comum ser “abençoado” com alho-poró. Se antigamente essa tradição significava boa sorte, atualmente as pessoas correm dos ramos por causa do cheiro forte.

Portugueses e turistas brincam com martelos de São João, no Porto — Foto: Câmara Municipal do Porto

Céu de balões e réveillon fora de época

Depois que a noite cai, o céu do Porto fica iluminado com as centenas de balões que são lançados ao ar. Em 2017, a prática foi proibida pelo governo para evitar incêndios, com multas de até 5 mil euros aos infratores.

Mas, neste ano, a tradição foi liberada. Segundo a imprensa portuguesa, a população foi autorizada a soltar os balões entre 21h45 de sexta-feira (23) e 1h de sábado (24). O espaço aéreo da cidade foi fechado.

“A cidade ilumina-se de pequenos pontos laranja pelo céu. É sempre um momento de fascínio para novos e velhos”, conta a portuguesa Alice Luísa Santos.

Balão sendo lançado na noite de São João, no Porto — Foto: Miguel Nogueira/Câmara Municipal do Porto

Depois do jantar, às margens do Rio Douro, milhares de turistas e moradores se concentram na região da Ponte D. Luís I, o cartão-postal da cidade.

Exatamente à meia-noite, um espetáculo de fogos de artifício se inicia na ponte e no rio para comemorar a chegada do São João. O show deste ano durou 16 minutos.

Show pirotécnico durante o São João do Porto, em Portugal — Foto: Câmara Municipal do Porto

As comemorações continuam durante a madrugada. É comum que os portugueses se refiram à data como “a noite mais longa do ano”.

“Acredito que lhe começamos a chamar assim muito pela sua essência. No Porto, a festa de São João é quase um flash mob que se estende por toda a cidade. De uma ponta à outra há arraiais, música, comida e animação”, diz Alice.

“Acho que nos volta a trazer uma sensação de comunidade, tirar-nos ceticismo e a desconfiança. O São João é de todos, e todos do São João, sem olhar a status ou classes.”

VÍDEOS: mais assistidos do g1




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

zelensky-sobre-motim-de-wagner:-‘a-fraqueza-da-russia-e-obvia’

G1 Mundo

Zelensky sobre motim de Wagner: ‘A fraqueza da Rússia é óbvia’

A organização paramilitar, que esteve ao lado de Putin na invasão à Ucrânia, assumiu o controle de instalações militares russas após troca de acusações com o governo, nesta sexta-feira (23). Guga Chacra: "Situação de Putin fica muito complicada com ação de mercenários" Volodymyr Zelensky, presidente da Ucrânia, se manifestou neste sábado (24) sobre o motim do grupo de mercenários Wagner contra a Rússia. Segundo ele, "a fraqueza da Rússia é […]

today24 de junho de 2023 6

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%