G1 Mundo

Situação da batalha é ‘extremamente aguda’, diz presidente da Ucrânia

today28 de janeiro de 2023 13

Fundo
share close

O presidente ucraniano, Volodymyr Zelenskiy, descreveu a situação no front como “extremamente aguda”, particularmente na região leste de Donetsk, onde a Rússia está intensificando uma ofensiva.

Zelenskiy relatou grandes batalhas por Vuhledar, a sudoeste da capital regional de Donetsk, e Bakhmut, a nordeste. Bakhmut foi em grande parte pulverizada por repetidos ataques russos e está praticamente sem água, luz e gás.

Três pessoas morreram e duas ficaram feridas neste sábado (28) em um bombardeio russo na cidade de Konstantinovka, leste da Ucrânia, anunciou o governador regional.



“Os russos atiraram contra um bairro residencial, atingiram edifícios de quatro andares, um hotel, garagens e veículos civis”, afirmou o governador da região de Donetsk, Pavlo Kirilenko. “Três civis morreram e pelo menos dois ficaram feridos”, acrescentou.

A Rússia acusou neste sábado o exército ucraniano de ter bombardeado um hospital da região separatista pró-Moscou de Lugansk, no leste da Ucrânia, em um ataque que deixou 14 mortos e 24 feridos, entre pacientes e profissionais de saúde.

“As Forças Armadas ucranianas bombardearam deliberadamente o edifício do hospital com lança-foguetes HIMARS” na localidade de Novoaidar, na região de Lugansk, afirmou o exército russo em um comunicado.

Os médicos do estabelecimento atendiam “civis e militares” há vários meses, afirma o comunicado. “Um bombardeio intencional contra um estabelecimento médico civil constitui, sem margem para dúvida, um grave crime de guerra cometido pelo regime de Kiev”, acrescenta.

A Ucrânia recebeu a promessa de entrega de 321 tanques pesados ​​de vários países, disse o embaixador ucraniano na França na sexta-feira.

A Polônia enviará 60 tanques adicionais para a Ucrânia além dos 14 tanques Leopard 2 de fabricação alemã que já prometeu, disse o primeiro-ministro polonês em entrevista à televisão canadense na quinta-feira.

O vice-ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Ryabkov, terá uma reunião com Lynne Tracy, a nova embaixadora dos EUA em Moscou, no início da próxima semana, informou a agência de notícias RIA neste sábado.

Um importante assessor presidencial ucraniano criticou o Comitê Olímpico Internacional por ficar do lado da Rússia dias depois de dizer que o Conselho Olímpico da Ásia havia oferecido aos atletas russos e bielorrussos uma chance de se classificarem para as Olimpíadas de Paris 2024.

A Ucrânia lançará uma campanha internacional para impedir que atletas russos possam competir nas Olimpíadas de 2024, disse Zelenskiy na sexta-feira.

A Ucrânia convocará o embaixador da Hungria para reclamar sobre comentários “completamente inaceitáveis” que o primeiro-ministro húngaro, Viktor Orban, fez sobre a Ucrânia, disse Kiev na sexta-feira. O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da Ucrânia, Oleg Nikolenko, escrevendo no Facebook, disse que Orban disse a jornalistas que a Ucrânia era uma terra de ninguém e a comparou ao Afeganistão.

A Rússia está violando os “princípios fundamentais de proteção à criança” em tempos de guerra ao dar às crianças ucranianas passaportes russos e colocá-las para adoção, disse o chefe da agência de refugiados da ONU à Reuters.

O principal responsável por sanções no Departamento do Tesouro dos EUA em uma viagem à Turquia e ao Oriente Médio na próxima semana alertará os países e empresas de que eles podem perder o acesso ao mercado dos EUA se fizerem negócios com entidades sujeitas às restrições dos EUA, enquanto Washington reprime as tentativas russas de evasão das sanções.

O Japão reforçou as sanções contra a Rússia na sexta-feira após sua última onda de ataques com mísseis na Ucrânia, acrescentando mercadorias a uma lista de proibições de exportação e congelando os bens de autoridades e entidades russas. A Rússia disse que as sanções do Japão não são motivo de preocupação e que está se adaptando à vida sob tais restrições.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

presidente-do-peru-pede-ao-congresso-que-abandone-interesses-e-antecipe-eleicoes

G1 Mundo

Presidente do Peru pede ao Congresso que abandone interesses e antecipe eleições

"Lamentamos que o Congresso da República não tenha conseguido chegar a um acordo para definir a data das de eleições gerais, nas quais peruanas e peruanos possam escolher livre e democraticamente as novas autoridades", escreveu Boluarte no Twitter. "Exortamos as bancadas a deixarem de lado os seus interesses partidários e a priorizarem os interesses do Peru", acrescentou a presidente, em sua primeira reação desde que o Parlamento fracassou, na madrugada […]

today28 de janeiro de 2023 10

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%