G1 Santos

Sniper que matou suspeito no litoral de SP fez disparo a 60 metros de distância, diz secretário

today15 de fevereiro de 2024 4

Fundo
share close

O suspeito neutralizado na última quarta-feira (14) tinha 33 anos. Segundo a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP-SP), policiais militares estavam em diligências em uma região de tráfico de drogas quando foram surpreendidos com disparos na Rua da Colina. Os agentes teriam revidado e ele foi atingido – apesar do socorro, não resistiu.

“Ele [atirador] efetuou um disparo de cerca de 60 metros de distância, neutralizando esse criminoso, evitando que algo pior pudesse acontecer com aqueles policiais militares que estavam na incursão a pé”, disse o secretário.

De acordo com Derrite, o conceito de atirador designado, popularmente chamado de ‘sniper’, foi uma doutrina criada pela Rota. Na ocasião, serviu para proteger a tropa que estava na comunidade. O g1 apurou que, para essa técnica, o profissional responsável geralmente usa um fuzil.



A equipe de reportagem entrou em contato com a SSP-SP para mais informações sobre o trabalho do atirador designado, mas ainda não obteve retorno.

Em nota, a SSP-SP afirmou que todos os casos são rigorosamente investigados pela 3ª Delegacia de Homicídios da Deic de Santos, com o acompanhamento do Ministério Público e do Poder Judiciário.

Segundo a corporação, em uma semana, desde que foi desencadeada a 3ª Fase da Operação Verão, 604 pessoas foram detidas, sendo 217 procurados, além de 113,2 quilos de drogas apreendidas; 58 veículos recuperados e 68 armas ilegais apreendidas.

Policiais militares Marcelo Augusto da Silva, Samuel Wesley Cosmo e José Silveira dos Santos, mortos na Baixada Santista (SP) — Foto: Reprodução/Redes Sociais e g1 Santos

No dia 26 de janeiro, o policial militar Marcelo Augusto da Silva foi morto na rodovia dos Imigrantes, na altura de Cubatão. Ele foi baleado enquanto voltava para casa de moto. Uma grande quantidade de munições estava espalhada na rodovia. O armamento de Marcelo, no entanto, não foi encontrado.

Segundo a Polícia Civil, Marcelo foi atingido por um disparo na cabeça e dois no abdômen. Ele integrava o 38º Batalhão de Polícia Militar Metropolitano (BPM/M) de São Paulo, mas fazia parte do reforço da Operação Verão em Praia Grande (SP).

No dia 2 de fevereiro, o policial das Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar (Rota) Samuel Wesley Cosmo morreu durante patrulhamento de rotina na Praça José Lamacchia. O agente chegou a ser socorrido para a Santa Casa de Santos (SP), mas morreu na unidade.

Uma gravação de câmera corporal obtida pelo g1 mostra o momento em que o soldado da Rota foi baleado no rosto durante um patrulhamento no bairro Bom Retiro (assista abaixo).

Vídeo mostra o PM da Rota sendo baleado no rosto em viela no litoral de SP

Vídeo mostra o PM da Rota sendo baleado no rosto em viela no litoral de SP

Kaique Coutinho do Nascimento, o ‘Chip’ (à dir.), é suspeito de matar o PM da Rota Samuel Wesley Cosmo — Foto: Reprodução

Ainda na última quarta-feira, a Polícia Militar prendeu o suspeito de matar o PM da Rota Samuel Wesley Cosmo. Kaique Coutinho do Nascimento, de apelido ‘Chip’, foi detido em Uberlândia, em Minas Gerais. O crime aconteceu em Santos, no litoral de São Paulo.

O policial foi baleado durante patrulhamento na Praça José Lamacchia, no bairro Bom Retiro, no último dia 2 de fevereiro. Ele chegou a ser levado para a Santa Casa de Santos, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

O g1 apurou junto à Polícia Militar que ‘Chip’ foi preso no Bairro Gávea. A informação foi confirmada pelo secretário de Segurança Pública de São Paulo, Guilherme Derrite, por meio das redes sociais.

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

guaruja-atualiza-plano-municipal-de-reducao-de-riscos

Prefeitura de Guarujá

Guarujá atualiza Plano Municipal de Redução de Riscos

Objetivo é aperfeiçoar o trabalho de prevenção a acidentes naturais nas encostas dos morros e inundações Para aperfeiçoar o trabalho de prevenção a acidentes naturais nas encostas dos morros e inundações, a Prefeitura de Guarujá está atualizando o Plano Municipal de Redução de Riscos (PMRR). O Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT), contratado para desenvolver o projeto, tem visitado as áreas de risco da Cidade, acompanhado das equipes da Defesa Civil […]

today15 de fevereiro de 2024 10

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%