G1 Mundo

Tempestades na Austrália deixam 10 mortos e milhares sem energia

today27 de dezembro de 2023 4

Fundo
share close

As tempestades atingiram os estados de Victoria, Nova Gales do Sul e Queensland nos dias 25 e 26 de dezembro, trazendo grandes pedras de granizo e chuvas torrenciais. Fortes ventos arrancaram telhados e derrubaram árvores em algumas das áreas mais afetadas.

Três homens morreram durante a tempestade após um iate com 11 pessoas a bordo virou perto de Green Island, em Moreton Bay, segundo a comissária de polícia de Queensland, Katarina Carrol.

Segundo a polícia australiana, duas mulheres foram encontradas mortas perto da cidade de Gympie, cerca de 180 quilômetros ao norte da capital do estado de Brisbane, após terem sido arrastadas por bueiros inundados. Uma menina de nove anos foi encontrada morta após desaparecer em um esgoto pluvial no sul de Brisbane.



As autoridades alertaram que rios e riachos em rápida ascensão podem transbordar e inundar os acampamentos, que geralmente ficam lotados durante as semanas de Natal e Ano Novo.

Um homem foi encontrado morto em um acampamento em Victoria depois que as águas da enchente baixaram, afirmou a polícia. Acredita-se que ele estaria acampando com uma mulher, achada morta na terça-feira (26).

Duas pessoas foram mortas por queda de árvores.

A tempestade derrubou uma linha de energia de concreto, o que foi “bastante significativo e sem precedentes”, segundo o primeiro-ministro de Queensland, Steven Miles, durante coletiva de imprensa. Miles disse que os danos do ciclone Jasper, que atingiu o estado no início deste mês, e as últimas tempestades podem estar na casa dos “bilhões”.

O Departamento de Meteorologia da Austrália previu mais chuvas, embora o tempo selvagem devesse melhorar ainda nesta quarta-feira (27).

“Felizmente hoje não esperamos ver uma atividade de tempestades tão generalizada, mas ainda há o risco de tempestades severas em toda a costa leste”, disse o meteorologista Jonathan How à televisão ABC.

As tempestades seguem-se a ondas de calor intensas na primavera que resultaram em incêndios florestais e depois do ciclone Jasper ter causado danos generalizados.

“Quando começamos a juntar as experiências deste verão até agora, fica claro que estamos a viver uma era de crescentes consequências climáticas”, disse Simon Bradshaw, diretor de investigação do Conselho do Clima, uma organização independente e sem fins lucrativos.

Enquanto a Austrália luta contra as chuvas no leste, várias regiões no oeste combatem os incêndios. Um bombeiro voluntário foi morto enquanto respondia a um incêndio florestal, informou a mídia.

O verão australiano de dezembro a fevereiro está sob a influência do fenômeno El Niño, que pode causar extremos climáticos que vão desde incêndios florestais a ciclones e secas prolongadas.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

lee-sun-kyun,-ator-do-premiado-filme-coreano-‘parasita’,-morre-aos-48-anos

G1 Mundo

Lee Sun-kyun, ator do premiado filme coreano ‘Parasita’, morre aos 48 anos

Ator foi encontrado morto dentro de um carro na noite desta terça-feira (26). Lee Sun-kyun estava sendo investigado pelo governo sul-coreano por uso de drogas ilegais. Ator sul-coreano Lee Sun-kyun, do filme "Parasita", foi encontrado morto dentro de seu carro na noite desta terça-feira (26). — Foto: Eduardo Munoz/Reuters O ator sul-coreano Lee Sun-kyun, do filme "Parasita", foi encontrado morto na noite desta terça-feira (26), manhã de quarta (27) na […]

today27 de dezembro de 2023 22

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%