G1 Mundo

Tiroteio é reportado próximo ao Palácio Nacional de Porto Príncipe, no Haiti

today9 de março de 2024 7

Fundo
share close

Crise na segurança pública vem escalando nos últimos dias após a fuga de milhares de detentos. Primeiro-ministro está em Porto Rico e enfrenta dificuldades para retornar ao país.


Um tiroteio foi reportado na região do Palácio Nacional de Porto Príncipe, no Haiti, na noite desta sexta-feira (8). As informações foram divulgadas pela agência de notícias EFE.



O episódio piorou a situação do Haiti, que vive uma crise política, humanitária e de segurança desde o assassinato do presidente Jovenel Moïse, em 2021. Atualmente, o país é governado pelo primeiro-ministro interino, Ariel Henry.

Líderes de gangues e parte da população desejam a saída de Henry do poder e a relização de eleições gerais, que não acontecem hpa quase uma década. Por outro lado, o primeiro-minsitro diz que ainda não é seguro realizar eleições.

A comunidade internacional está acompanhando a situação do Haiti. Os Estados Unidos pediram para que Henry acelere a transição de poder.

Na segunda-feira (4), o Brasil pediu com urgência a implementação de uma resolução do Conselho de Segurança da ONU para a criação da Missão Multinacional de Apoio à Segurança no Haiti.

VÍDEOS: mais assistidos do g1




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

israel-se-exime-de-culpa-e-afirma-que-soldados-atiraram-contra-‘suspeitos’-durante-distribuicao-de-ajuda-em-fevereiro

G1 Mundo

Israel se exime de culpa e afirma que soldados atiraram contra ‘suspeitos’ durante distribuição de ajuda em fevereiro

O Exército de Israel afirmou nesta sexta-feira que sua análise do que aconteceu em 29 de fevereiro em Gaza, quando, segundo o Hamas, 115 pessoas morreram durante uma distribuição de ajuda humanitária, mostra que os soldados "atiraram com precisão contra vários suspeitos". "A análise realizada pelo comando revelou que as tropas não atiraram contra o comboio humanitário, e sim que atiraram contra vários suspeitos que se aproximaram dos soldados e […]

today9 de março de 2024 1

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%