G1 Santos

Trabalhador morre após sofrer descarga elétrica em subestação de energia no interior de SP

today14 de dezembro de 2022 19

Fundo
share close

Um homem de 35 anos morreu e outro sofreu queimaduras após sofrerem uma descarga elétrica em uma subestação de energia em Registro, no interior de São Paulo. A Companhia de Transmissão de Energia Elétrica Paulista (ISA CTEEP) informou ao g1 que o profissional estava fazendo reparos por conta de uma interrupção de energia quando o acidente aconteceu. Ele morreu no local. Já o outro funcionário precisou ser internado, mas já teve alta médica.

O acidente aconteceu, na tarde desta terça-feira (12), dentro da subestação de energia, localizada à margens da rodovia Régis Bittencourt. A concessionária informou que, por volta das 16h56, houve uma interrupção no fornecimento de energia à distribuidora local, por conta de uma falha em um disjuntor de 13,8 kV da linha que atende a cidade de Sete Barras.

O acidente com o trabalhador aconteceu durante as atividades de recomposição de carga, segundo a empresa. A concessionária ressaltou que imediatamente foi prestado socorro, mas infelizmente o funcionário veio a óbito.



A Prefeitura de Registro confirmou que o Serviço de Atendimento Médico de Urgência (SAMU) foi acionado e realizou o atendimento em conjunto com o Corpo de Bombeiros. A vítima chegou à UPA por volta das 17h30 em parada cardíaca e o óbito foi confirmado às 18h.

Trabalhador morreu durante as atividades de recomposição de carga em uma subestação de energia em Registro — Foto: Rinaldo Rori/g1 Santos

Luís Carlos Pontes de Almeida era técnico de subestação na empresa ISA CTEEP e trabalhava há aproximadamente 10 anos no local, conforme informado pelo tio, Sebastião Domingos de Pontes. Almeida deixou esposa e dois filhos.

Ao g1, Pontes afirmou que o sobrinho recebeu uma descarga de energia “muito forte”. Segundo ele, quando o resgate chegou ao local do acidente, Almeida já estava sem vida.

“Meu Deus, não sei nem o que dizer. Ele era uma pessoa amada por todo mundo, ele conseguia contagiar as pessoas. Ele era fora do comum. Todo mundo amava ele e, de repente, acontece isso ai”, desabafou o tio.

Vítima de descarga elétrica trabalhava há cerca de 10 anos na subestação de energia em Registro — Foto: Arquivo pessoal

O corpo de Almeida foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML), liberado por volta das 10h desta quarta-feira (14) e enviado ao serviço funerário. Ainda não há informações sobre o velório e o sepultamento.

A concessionária ainda disse que lamenta a ocorrido, que está prestando toda a assistência à família e que contribuirá com as autoridades para apuração do ocorrido.

A SSP informou em nota que foi solicitado perícia ao local do acidente e que o caso foi registrado como morte acidental na Delegacia Seccional de Registro, onde é investigado.

Empresa afirma que está apurando a causa da morte do trabalhador que se acidentou em uma subestação de energia em Registro — Foto: Rinaldo Rori/g1 Santos

VÍDEO: g1 em 1 minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

“agarrei-nas-vestes-de-jesus-e-nao-soltei-mais”,-diz-ex-transgenero

Gospel Prime

“Agarrei nas vestes de Jesus e não soltei mais”, diz ex-transgênero

A luta de Linda Seiler com a transgeneridade e a atração por pessoas do mesmo sexo sempre a fez sentir que Deus estava a condenando. Durante seu primeiro ano do ensino médio, Linda entregou sua vida a Cristo. Mas as coisas não melhoraram imediatamente, até que ela falou sobre seu problema e sua jornada de cura começou. “Desde minha memória mais antiga eu queria ser um menino ao invés de […]

today14 de dezembro de 2022 52

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%