G1 Mundo

Tunísia e UE anunciam ‘parceria estratégica’ sobre economia e migração

today16 de julho de 2023 3

Fundo
share close

A União Europeia (UE) e a Tunísia assinaram, neste domingo (16), um memorando de entendimento para estabelecer uma “parceria estratégica integral” nas áreas de combate à migração irregular, desenvolvimento econômico e energias renováveis.

A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, destacou, no palácio presidencial tunisiano, o acordo destinado a “investir em prosperidade compartilhada” com o país do norte da África, ponto de partida de milhares de migrantes que tentam chegar à Europa cruzando o Mediterrâneo.

A primeira-ministra italiana, Giorgia Meloni, que fazia parte da comitiva europeia junto com seu colega holandês, Mark Rutte, afirmou que o memorando marca “uma nova etapa importante para tratar a crise migratória de forma integrada”.



Ela acrescentou que o acordo, com “cinco pilares”, pode ser considerado “um modelo para estabelecer novas relações com a África do Norte”.

O presidente tunisiano, Kais Saied, insistiu no ponto que aborda a “aproximação entre os povos”.

Rutte destacou que essa parceria “beneficiará tanto a União Europeia quanto o povo tunisiano” e permitirá um “melhor controle da imigração irregular”.

Ele também lembrou que a UE já é o principal parceiro comercial e o maior investidor no país.

O acordo prevê uma ajuda de 105 milhões de euros (R$ 566 milhões, no câmbio atual) para combater a imigração irregular e um apoio orçamentário de 150 milhões de euros (R$ 809 milhões) para a Tunísia, sufocada por uma dívida pública equivalente a 80% do seu PIB e pela falta de liquidez.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

em-meio-a-onda-de-calor,-hemisferio-norte-tem-alertas-de-autoridades-e-risco-de-novos-recordes-de-temperatura

G1 Mundo

Em meio a onda de calor, Hemisfério Norte tem alertas de autoridades e risco de novos recordes de temperatura

Quase um quarto da população dos Estados Unidos está sob alerta de calor extremo. O Serviço Nacional de Meteorologia dos EUA (NWS) pediu à população que não subestime o risco de vida provocado pelo calor. Na Europa, onde o aquecimento avança duas vezes mais rápido que a média mundial, segundo os cientistas, vários países enfrentam temperaturas extremas. Na Itália, 16 cidades estão em alerta vermelho, com máximas de 36°C e […]

today16 de julho de 2023 10

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%