G1 Mundo

Twitter se retira do Código Europeu de boas práticas contra desinformação

today27 de maio de 2023 11

Fundo
share close

O Twitter decidiu abandonar o código de boas práticas da União Europeia (UE) contra a desinformação na internet, mas “as suas obrigações” se mantém, afirmou neste sábado (27) o comissário europeu para a Indústria, Thierry Breton, em um post na rede social em questão, de propriedade de Elon Musk.

“Você pode correr, mas não pode se esconder. Além dos compromissos voluntários, a luta contra a desinformação será uma obrigação legal sob a DSA (Lei de Serviços Digitais) a partir de 25 de agosto”, escreveu Breton. “Nossas equipes estarão preparadas para fazer cumprir a lei”, alertou.

Criado em 2018, o código europeu de boas práticas é aplicado por cerca de 30 empresas, incluindo gigantes da indústria como Meta, Google, Microsoft e TikTok.



Esses grupos participaram da elaboração do texto, que inclui cerca de 40 recomendações destinadas a estabelecer uma melhor cooperação com os serviços de verificação de informações e impedir a publicidade de páginas que divulgam notícias falsas.

A partir do final de agosto, essas empresas serão colocadas sob vigilância da Comissão Europeia e sujeitas a regras mais estritas, incluindo a obrigatoriedade de uma auditoria anual independente para garantir que estão combatendo eficazmente a desinformação.

A saída do Twitter do código da UE não foi uma surpresa. Depois de adquirir a rede social, no final do ano passado, o milionário Elon Musk reduziu a moderação na rede social, um alívio para muitas contas banidas após comentários controversos ou enganosos.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

porta-avioes-chines-cruza-o-estreito-de-taiwan,-diz-taipei

G1 Mundo

Porta-aviões chinês cruza o Estreito de Taiwan, diz Taipei

O Ministério da Defesa de Taiwan informou neste sábado (27) que três navios chineses, incluindo o porta-aviões Shandong, cruzaram o Estreito de Taiwan. As embarcações ultrapassaram a linha de fronteira invisível entre Taiwan e a China Continental, traçada unilateralmente pelos Estados Unidos durante a Guerra Fria, que Pequim se recusa a reconhecer. "Uma flotilha de três navios do PLA (Exército de Libertação do Povo), liderada pelo porta-aviões Shandong, passou pelo […]

today27 de maio de 2023 6

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%